A experiência da passagem do Circuito Tela Verde pelo município de Vitória vai ser discutida na noite desta sexta-feira (13), no auditório Rio Jucu, da XX Feira do Verde.

A mostra, que reúne 30 curtas metragens sobre os impactos sofridos pela região da Bacia de Campos, no Rio de Janeiro, com a indústria do petróleo, iniciou suas apresentações município como uma das atividades do Dia Mundial do Meio Ambiente (5 de junho).

O grande diferencial da atividade é incentivar o debate, após as exibições, utilizando o conceito aplicado pelo movimento cineclubista em que os expectadores são estimulados a ter um papel mais ativo e crítico em relação aos filmes vistos.

“As produções evidenciam o que o petróleo trouxe para a região de Campos. Podemos passar pela mesma realidade dele, com toda essa movimentação petrolífera que nosso Estado está vivendo. Por isso, é importante debater o que é apresentando”, explicou a analista cultural da secretaria Municipal de Meio Ambiente, Rosa Rasuck.

Logo após a apresentação sobre o Circuito Tela Verde, o cineclube Kbça fará uma exibição de vídeos retirados do site Youtube sobre a questão da água no mundo, além do documentário “Urubus Têm Asas”, de Marcos Negrão e André Rangel (Brasil, 2007, 16 min).

Anúncios